Folha do Motorista SP
Edição online | Edições em PDF
Folha do Motorista RJ
Edição online | Edições em PDF

Foi multado em faixa de ônibus por um minuto de diferença

“Durante dois anos como taxista na cidade de São Paulo não fui multado. Em São Bernardo do Campo na Avenida Rudge Ramos que têm radar por todos os lados, as famosas armadilhas do trânsito, sempre que vou pra lá tomo cuidado. Mesmo assim fui multado por utilizar faixa de ônibus. Lá o horário é diferente de São Paulo, no período da noite só é permitido após as 19h30 e fui multado às 19h29 minutos, ou seja um minuto de diferença no relógio da fiscalização eletrônica”, citou o taxista Osvaldo UriosteVonpfuhl.

“Não sei de que forma eles tem essa precisão, porque ha sempre diferença de um relógio e outro. Foi multado em faixa de ônibus por um minuto de diferença Em meu relógio já marcava o horário estabelecido, mas o relógio deles é mais preciso do que o meu. Quando recebi a notificação, entrei em contato com a prefeitura de São Bernardo do Campo, setor de trânsito para apresentar uma defesa, mandaram esperar chegar a multa. Recebi a notificação em meu condomínio dia 13/12, só tomei conhecimento dia 23/12, com prazo de recurso até o dia 04 de janeiro de 2019, data do vencimento para pagar. De qualquer forma vou recorrer e espero o bom senso dos julgadores”, protestou o taxista Osvaldo, veículo Siena placa FRC2498.

“Não é o valor da multa de R$ 70,70 centavos, é os pontos na CNH, apesar de ter apenas esses pontos em minha CNH”.

“Procurei a redação da Folha do Motorista para denunciar à falta de compreensão dos agentes de trânsito desta cidade de São Bernardo. E que os companheiros taxistas de São Paulo quando se dirigir ao ABCD, tomar cuidado para não ser premiando com multa. Seja em faixas de ônibus ou nas principais avenidas”, orientou.

 

Curta a Folha do Motorista

Visitantes online

Temos 90 visitantes e Nenhum membro online

Links Interessantes: Coruja Feed  | Agência Igloo Digital