Taxista: o futuro da categoria está em suas mãos

Os taxistas têm a oportunidade de mudar a história pelo voto


Depois de tantos escândalos de corrupção, favorecimento e desrespeito com o povo, não é de estranhar que as eleições estejam em baixa. A velha afirmação ‘o futuro do país está em suas mãos’ não melhora a sensação de que nada de novo virá dessa vez, e permanece a ideia de que não temos alternativas viáveis. As pessoas estão descontentes com a política, não se interessam pelo assunto e não enxergam saída.     


Falando especificamente dos taxistas, a categoria passou por tempos difíceis. A ameaça de anulação e licitação de todos os alvarás da cidade de São Paulo coloca em risco a continuidade da profissão para todos. O processo ainda está em andamento, e sem apoio político os taxistas correm o risco de ter o seu meio de subsistência retirado, do dia para a noite.


A proibição de circulação nos corredores em horário de pico, a falta de reajuste nas tarifas e, mais recentemente, o projeto que pretende criar a categoria de táxis populares na capital trazem descontentamento e preocupação. Esses assuntos e tantos outros poderiam ser mais facilmente resolvidos se os taxistas fossem ouvidos e defendidos politicamente.


Então, essa é a hora de mudar. O apoio aos candidatos indicados por Salomão Pereira representa um voto a favor da categoria. Se eles forem eleitos, certamente trabalharão pela classe, e Salomão retornará para a Câmara já em 2015, como vereador suplente.


Os taxistas sabem que Salomão representa e luta pela categoria há muitos anos. Ele entende cada problema enfrentado pelos trabalhadores, como a insegurança que ronda as ruas e a desvalorização profissional. Como vereador, poderá fazer muito mais, e finalmente os taxistas terão vez e voz.

Visitantes online

Temos 48 visitantes e Nenhum membro online

Links Interessantes: Coruja Feed  | Agência Igloo Digital