Folha do Motorista SP
Edição online | Edições em PDF
Folha do Motorista RJ
Edição online | Edições em PDF

Caminhoneiros protestam sem apresentar pauta que possa ser atendida pelos governos


Os caminhoneiros precisam melhorar sua pauta de reivindicação para tentar conseguir algum benefício dos governos. Os protestos, que antes eram do povo pelas ruas das capitais e cidades grandes e pequenas, chegou às estradas, desta vez, são os caminhoneiros. Em protesto na BR 116, um caminhoneiro que tentou furar o bloqueio foi morto.
Os governantes devem levar em consideração que esses profissionais transportam o progresso de nosso país, levam uma vida difícil nas estradas e precisam de alguma vantagem, para continuarem com suas atividades. Pedágio de graça durante o dia não vão conseguir, mas se reivindicarem redução de 50% no valor das 21h às 5h, e aos domingos e feriados, talvez seja uma solução que os governos possam abrir não. Quando estiverem sem carga, com eixo levantado, pagar apenas os eixos rodando, talvez seja possível.  Combustível mais barato não vai acontecer.

A Polícia Rodoviária Federal já declarou não ter estrutura para fazer cumprir o que determinou a justiça. Assim, os protestos vão continuar espalhados pelas rodovias deste país. A presidente Dilma e o ministro da Justiça, Eduardo Cardoso, já disseram que não vão negociar com grevista. Devemos levar em consideração que os movimentos de greve neste país, antes do PT chegar ao governo, sempre estiveram de frente, agora são contra. Não é assim, é preciso abrir um diálogo e apresentar uma condição que possa atender alguns itens de suas reivindicações.

Um caminhoneiro foi morto na noite desta quarta-feira (3), segundo a polícia, após furar um bloqueio de grevistas no Rio Grande do Sul. O caso ocorreu por volta das 20h50, no km 420 da BR-116, próximo a Camaquã (a 122 km de Porto Alegre). Renato Kranlow, 44, que seguia de Pelotas para Porto Alegre, estava sendo escoltado por policiais depois de ser agredido por manifestantes, quando foi atingido na garganta por um objeto arremessado contra o veículo. Ele morreu no local e os protestos continuaram.

Curta a Folha do Motorista

Visitantes online

Temos 37 visitantes e Nenhum membro online

Links Interessantes: Coruja Feed  | Agência Igloo Digital